Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

TV FOCO – O humorista Fábio Porchat, que ficou nacionalmente conhecido por causa do canal Porta dos Fundos, hoje já pode ser considerado um grande nome da televisão brasileira. Isso porque ele virou apresentador e passou muito tempo com um programa que levava seu nome na programação da Record.

No ano passado, no entanto, ele tomou uma decisão radical sobre sua carreira: resolveu reincidir seu contrato com a emissora paulista e alçar novos voos na carreira. Já contratado do Grupo Globo, o destino do humorista certamente é o canal carioca, tanto que um programa da casa já contou com Fábio Porchat nesse sábado.

É que o apresentador esteve no programa especial do Altas Horas, que foi ao ar ao vivo na Globo e contou com a presença de grandes nomes da música e da teledramaturgia. Trata-se de uma divulgação do Criança Esperança, projeto da emissora em parceria com a Unesco que acontece atualmente.

“Fábio Porchat e Dani Calabresa conversando agora na Globo. Essa interação já tinha acontecido antes?”, comentou um dos internautas sobre o programa. “E o Fabio Porchat que perdeu o emprego na record pra virar telefonista da Globo”, brincou um outro.

Vale lembrar que o apresentador Fábio Porchat sempre foi bastante ativo quando o assunto é política. Tanto que ele foi sempre alvo de críticas por causa de seu posicionamento, mas nunca deixou de dar sua opinião e nem mesmo de fazer piada com o assunto tanto na internet quanto na televisão.

Em uma delas, feita pelo canal Porta dos Fundos, ele ironizou uma fake news de que ele teria recebido com os colegas de canal milhões do Partido dos Trabalhadores. Em entrevista ao site Valor Investe, ele foi questionado sobre o que fez com sua parte da grana e mandou uma indireta daquelas. “Mandei tudo pra Curitiba, pra soltar o Lula”, disparou Fábio Porchat.

Falando sério, Fábio Porchat falou sobre o que faz com seu dinheiro. “Se o cara que investe meu dinheiro fugir para o Panamá amanhã, estou fodido, estou pobre. Não tenho um centavo. Não sei nada, não entendo nada e nem me interessa muito. A minha sorte é que o cara que investe meu dinheiro é meu amigo de infância, então eu confio nele. Se ele for embora, eu sei onde a família dele mora”, disse.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •