Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Agentes da Polícia Federal apreenderam nesta sexta-feira uma balsa que transportava passageiros e cargas, do município de Tabatinga para Manaus, com cerca de 170 quilos de cocaína escondidos no porão da embarcação que foi interceptada pelos federais por volta de meio dia, nas proximidades do município de Manacapuru, a 84 quilômetros de Manaus.

A droga seria oriunda da tríplice fronteira, Peru e Colômbia, onde foi acondicionada no porão da embarcação, sob chapas de aço, preparado para transportar drogas e, por consequência, frustrar a fiscalização.

De acordo com informações da PF, o compartimento em que a droga foi encontrada indica fortemente que a balsa tenha passado por modificações em sua estrutura com o fim específico de transportar a grande quantidade de entorpecente.

A balsa foi levada ao porto de Manacapuru onde os passageiros desembarcaram para em seguida a embarcação ser trazida para a base fluvial da Polícia Federal, localizada no rio Tarumã, próximo da Praia Dourada, na Zona Oeste de Manaus.

Já na base de operações, a PF contou com o apoio do Corpo de Bombeiros do Amazonas para serrar as chapas de aço que encobriam a droga. O trabalho ainda não foi concluído e deverá continuar no sábado (19) pela parte da manhã.

Outros compartimentos da embarcação serão vistoriadas pelos agentes da PF em busca de mais cocaína. Além da droga, sete pessoas foram presas em flagrante por tráfico internacional de drogas. Após a conclusão do flagrante, os presos serão encaminhados para a cadeia pública.

De acordo com informações da assessoria de imprensa a balsa foi localizada em um trecho do Rio Solimões por uma equipe de agentes da Polícia Federal, que realizavam uma operação de fiscalização na calha do rio, nas mediações do município de Manacapuru.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •