Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Gazeta Esportiva – A diretoria do Fluminense não conta mais com o atacante Luciano para o restante da temporada. Apesar de estar cedido por empréstimo ao clube até 2021, o atleta está se transferindo para o Atlético-MG, que acertou a compra dos direitos federativos com o Leganés da Espanha. O atleta era considerado titular pelo técnico Fernando Diniz, que vinha tentando convencê-lo a ficar nas Laranjeiras.

O Fluminense, pelo acordo, não tem poder de impedir a negociação, porém, recebe um percentual, que deve ficar em torno de R$ 2 milhões, pela chamada “taxa de vitrine”, por ter valorizado o atleta do clube espanhol.

Revelado pelo Atlético-GO, Luciano viveu um grande momento no Corinthians, onde chamou a atenção do Leganés. O jogador, de 26 anos, ainda passou pelo Panathinaikos da Grécia antes de passar pelo Fluminense.

No Tricolor, Luciano disputou 31 partidas e marcou 15 gols, sendo o artilheiro do time na atual temporada. Fernando Diniz já pediu a diretoria a chegada de um reforço para o ataque a fim de repor a saída de Luciano.

O temor de Fernando Diniz é ainda sofrer um desmanche no ataque. Isso, por que, Pedro também vem espertando o interesse de outros clubes.

Dentro de campo o elenco, que trabalhou nesta quinta-feira aspectos táticos, volta a treinar nesta sexta-feira à tarde. O próximo desafio é o duelo com o Ceará programado para a próxima segunda-feira, às 20h, no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •