Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O “Barão do êxtase”, Acyr Padron de Morais, de 29 anos foi preso ontem por volta de 20h pela Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública. Após denúncias anônimas os policiais chegaram ao acusado que estava na frente da sua residência, localizada na Avenida Airão, Centro de Manaus.

No momento da abordagem foram encontradas 10 cápsulas de drogas sintéticas (produzidas em laboratório) (Ecstasy). Em seguida Barão, conduziu a equipe até outro local onde escondia o restante do entorpecente.

Foram encontradas 128 cápsulas de drogas sintéticas, além de material para embalo. Essas drogas são conhecidas como Ecstasy, e também bastante conhecidas como a droga do amor.

De acordo com os policiais, dependendo da quantidade ingerida, o entorpecente demora tipicamente 30 minutos a surtir efeito. Ao contrário de outros psicoactivos, o efeito é muito rápido: muitas vezes quando o consumidor percebe que os efeitos estão a surgir, já se encontram muito próximos do "pico".

A quantidade de MDMA em cada comprimido varia, em média, entre 30 e 100 miligramas, dependendo da pureza da sua composição e da tolerância do consumidor. "Barão" foi preso anteriormente no Mato Grosso do sul, enquanto tentava embarcar com 20 quilos de entorpecentes.

O acusado foi encaminhado ao 1º Distrito Integrado de Polícia, na Duque de Caxias, bairro da Praça 14 de Janeiro, Zona Centro-Oeste de Manaus.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •