Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A espera finalmente acabou! Depois de praticamente quatro meses sem ir a campo, por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus, o Manaus FC voltou aos treinos na segunda-feira, 13/7. O foco é a preparação para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C. Os jogadores treinaram, ontem, no Centro de Treinamento (CT) Assis Peixoto, o Ninho do Gavião, que fica localizado no quilômetro 4, da BR-174 (Manaus – Boa Vista).

Antes dos trabalhos físicos começarem no Ninho, houve uma coletiva de imprensa com a participação do presidente do Manaus FC, Luis Mitoso, juntamente com o técnico do time, Wellington Fajardo; e os novos reforços do esmeraldino, os atacantes Alison Mira e Matheusinho; o volante Rafael Carrilho; e o goleiro Bruno Saul, que retorna ao clube depois da passagem pelo Iranduba no Campeonato Amazonense deste ano.

“A expectativa e ansiedade eram grandes entre os jogadores, diretoria e graças a Deus estamos voltando, hoje, com todos os protocolos de segurança sendo obedecidos. Foram feitos testes para detecção de Covid-19 nos atletas, comissão técnica, no nosso staff e estão todos aptos a voltar. É uma expectativa enorme para nós. A CBF já sinalizou com o início da competição no dia 9 de agosto. Agora é trabalhar para que a gente possa fazer um belo Campeonato Brasileiro”, declara o presidente do Manaus.

O treinador Wellington Fajardo comenta sobre a condição física dos atletas neste retorno. “Realmente vai para quatro meses sem um trabalhado presencial monitorado por nós, mas houve também um trabalho muito bem feito pelo Murilo (Vasconcelos, preparador físico). Durante todo esse tempo, os jogadores ficaram monitorados por ele, dentro da parte física, logicamente. Nos testes que foram feitos agora pela manhã, fizemos percentual de gordura, teste de potência, e a gente sabe que essa inatividade de certa forma prejudicou na questão muscular. Os jogadores, por mais que se exercitassem, apresentaram uma perda. Agora é correr contra o tempo”, pontua o treinador.

Reforços

A imprensa amazonense também pôde conhecer os mais novos contratados pelo clube, os atacantes Alison Mira e Matheusinho, o volante Carrilho, e o goleiro Bruno Saul, que é um velho conhecido da torcida do Gavião. “Eu estou feliz com o retorno ao clube em que tenho uma história. Agradeço à diretoria pela confiança e posso dizer que não vai faltar empenho”, afirma Saul.

Alison Mira destaca o foco do grupo pelo acesso. “Aqui no grupo tem bastante jogador com experiência. O grupo está muito focado, vamos muito forte para a Série C. Espero poder ajudar a equipe”.

Matheusinho chega com a experiência de quem já jogou na Série B. “Eu sou um jogador de velocidade, jogo tanto na esquerda quando na direita. Marco bastante, chego na frente e espero que com essas características eu possa ajudar o grupo”, avalia o atacante.

Já o volante Rafael Carrilho sabe que vai ter que lutar por vaga em um setor dominado por jogadores históricos do clube, como o volante Panda, e o capitão Derlan. “Sobre a disputa por posição vai ser uma disputa sadia”, assinala.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •