Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Veja – A ativista Greta Thunberg rejeitou um prêmio ambiental do Conselho Nórdico no valor de 207.000 reais (500.000 coroas suecas). Segundo a adolescente sueca de 16 anos, “o movimento climático não precisa de mais prêmios”, mas sim que “os políticos e pessoas no poder comecem a ouvir a ciência”.

Em uma postagem no Instagram, Thunberg também criticou a política dos países nórdicos em relação ao meio ambiente.

“Os países nórdicos têm uma grande reputação em todo o mundo quando se trata de questões climáticas e ambientais”, escreveu. “Mas quando se trata de nossas emissões reais e de nossas pegadas ecológicas per capita – se incluirmos nosso consumo, nossas importações, além de aviação e transporte marítimo -, então é uma história totalmente diferente”.

“Pertencemos a países que têm a possibilidade de fazer mais. E, no entanto, nossos países basicamente não fazem nada ainda”, disse.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •