Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da equipe de investigação da Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema), coordenada pela delegada Carla Biaggi, prendeu, em flagrante, um homem de 64 anos, por maus-tratos contra animais e por manter animais silvestres em cativeiro. A prisão ocorreu na terça-feira (11/08), por volta de 15h, na Rua Belém, Comunidade Gustavo Nascimento, bairro Cidade de Deus, zona norte da capital.

De acordo com a delegada Carla Biaggi, a equipe de polícia descobriu o cativeiro após denúncias feitas por populares, na própria unidade policial, dando conta que, no local acima citado, ocorria a prática conhecida como ‘rinha de galos’.

A titular detalhou que, após a denúncia, a equipe policial se dirigiu ao endereço para averiguar a situação. No local, foi constatada a presença de cerca de 80 animais silvestres e domésticos, sendo dentre eles um papagaio, marrecos, galos, galinhas, patos e um cachorro.

“Após constatarmos a presença dos animais no cativeiro, nossa equipe retornou com os mesmos para a sede da Dema para passarem por perícia”, explicou Biaggi.

A autoridade explicou, ainda, que os animais domésticos serão encaminhados para abrigos e para a fazenda da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), e os silvestres serão encaminhados para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Procedimentos – O homem será indiciado pelos crimes de maus-tratos a animais silvestres e domésticos e por manter animais silvestres em cativeiro. Ele responderá em liberdade.

Com informações da assessoria da PC


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •