Delegada Roberta Merly
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A equipe de investigação da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Manacapuru (distante 68 quilômetros em linha reta da capital) prendeu, em flagrante, por volta das 11h de sexta-feira (21/08), um autônomo de 41 anos pelo descumprimento de medida protetiva contra a ex-companheira dele, 32. A prisão ocorreu no bairro Terra Preta, naquele município.

De acordo com a delegada Roberta Merly, o homem havia sido preso em flagrante em abril deste ano, pelo crime de violência doméstica contra a mesma vítima, mas em razão da concessão de sua liberdade provisória, a juíza Scarlet Braga Barbosa Viana, da 2ª Vara Criminal de Manacapuru, impôs a medida protetiva contra ele.

“Ontem (21/08), por volta de 10h30, enquanto o indivíduo, bêbado, discutia com a vítima, ele arremessou uma cadeira contra ela, mas o objeto veio a atingir a filha do casal, uma criança de 6 anos. Além da agressão física, ele desferiu palavras de baixo calão e ameaçou de morte a mulher”, explicou Merly.

A titular ainda contou que, após a filha do casal ser atingida, a mãe acionou o Conselho Tutelar do município para relatar o ocorrido, e aquela entidade então comunicou a especializada sobre o fato. Uma equipe de investigação saiu em diligências para prender o agressor, que ainda estava na residência da ex-companheira.

Procedimentos – Após procedimentos cabíveis realizados na DEP, o autônomo foi preso em flagrante pelos crimes de descumprimento de medida protetiva, ameaça, injúria e lesão corporal. Ele ficará na delegacia a disposição da Justiça.

Com informações da assessoria da PC


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •