Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

No início da tarde desta quarta-feira (10) um homem, armado com uma faca, invadiu a sede do Jornalismo da TV Globo, no Rio de Janeiro e fez a repórter Marina Araújo  refém.

Segundo funcionários, o homem invadiu o local com uma faca e uma bíblia na mão, gritando “Globo Lixo” e exigindo falar com a apresentadora Renata Vasconcellos, do Jornal Nacional. 

A negociação para a liberação da repórter foi feita pelo diretor de Jornalismo da Rede Globo, Ali Kamel, e pela polícia. Marina já foi liberada e o homem imobilizado e contido. A jornalista ficou cerca de 30 minutos nas mãos do homem.

A informação inicial é de que ele deve ter sido levado para a 15ª Delegacia de Polícia (DP), na Gávea. A Rede Globo ainda não se pronunciou sobre a maneira que o homem conseguiu invadir o local, que possui forte sistema de segurança. As motivações dele também não foram esclarecidas. As informações são de Jornal de Brasília.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •