Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) voltou a atacar a comunidade indígena brasileira. Durante sua live na quinta-feira (23) nas redes sociais, o presidente declarou que “índio está evoluindo”. Na visão do presidente “cada vez mais é um ser humano”. Bolsonaro estava acompanhado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

A fala de Bolsonaro aconteceu enquanto anunciava o vice-presidente Hamilton Mourão como coordenador do Conselho da Amazônia.  “Mourão vai ser o nosso grande coordenador, à frente desse Conselho da Amazônia. Vai tratar da proteção, da defesa, da prevenção, do desenvolvimento sustentável, logicamente vai ter a sua participação no tocante da questão sobre as terras indígenas”, disse o mandatário.

Conversando com Tarcísio, que serviu em Manaus, de 2002 a 2007, o presidente disse que precisa fazer com que o índio se integra à sociedade.

“Então você conhece, teve contato com os índios. Já passaram praticamente 13, 14 anos. Com toda a certeza, o índio mudou, tá evoluindo. Cada vez mais o índio é um ser humano igual a nós. Então, [precisamos] fazer com que o índio se integre à sociedade, e que seja verdadeiro de sua terra. É isso que queremos aqui”, disse.

O presidente já afirmou que pretende regulamentar a agricultura e pecuária comerciais em terras indígenas, no projeto que libera a atividade de mineração nessas localidades.

Segundo o relatório da Conselho Indigenista Missionário (Cimi), o número de invasões a terras indígenas vem crescendo nos últimos anos, em 2018 o número de invasões foi 111 e em 2019 subiu para 160 casos.

Associação indígena vai processar Bolsonaro

A decisão foi tomada após o militar afirmar ontem, durante live sobre o Conselho da Amazônia, que o “índio está evoluindo” e que “cada vez mais é um ser humano igual nós”.

“Nós, povos indígenas, originários desta terra, exigimos respeito! Bolsonaro mais uma vez rasga a Constituição ao negar nossa existência enquanto seres humanos. É preciso dar um basta à esse perverso!”, disse Guajajara no Twitter. (Com o Congresso em Foco)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •