Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O técnico Jesualdo Ferreira fez vários testes no elenco do Santos até a paralisação no futebol brasileiro por conta do novo coronavírus.

Diego Pituca, volante, passou a atuar como meia, por exemplo. E quase todos os jogadores foram observados em diferentes posições nos treinamentos.

E isso não é uma novidade na carreira de Jesualdo. E dois casos são guardados com carinho pelo treinador de 73 anos, com quase 40 de profissão.

Bosingwa, ex-lateral direito da seleção de Portugal, era meio-campista até Jesualdo sugerir a mudança para a ala no Porto, em 2006. Dois anos depois ele foi negociado com o Chelsea, da Inglaterra.

Eric Dier, do Tottenham e da seleção inglesa, era zagueiro no Sporting, aos 18 anos. Jesualdo conversou com o atleta e comentou sobre a aptidão para ser volante. E dois anos depois ocorreu a venda.

Jesualdo Ferreira gosta de ensinar novas funções e oferecer variações táticas ao seu time. E espera sair do Santos com novos casos para comemorar. Seu contrato termina em dezembro. (Gazeta Esportiva)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •