BRASÍLIA,DF,28.09.2017:SENADO-AFASTAMENTO-AÉCIO - O senador José Serra durante sessão plenária do Senado, em Brasília (DF), nesta quinta-feira (28), que discute a decisão do Supremo Tribunal Federal de afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG). (Foto: Fátima Meira/Futura Press/Folhapress)
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A força-tarefa da Lava Jato denunciou o senador José Serra (PSDB-SP) e sua filha, Verônica Serra, por lavagem de dinheiro. Agentes da Polícia Federal fazem buscas e apreensões em endereços ligados aos dois. A operação acusa o tucano de usar o cargo de governador, entre 2006 e 2007, para receber propina da Odebrecht em troca de benefícios relacionados às obras do Rodoanel Sul.

“Milhões de reais foram pagos pela empreiteira por meio de uma sofisticada rede de offshores no exterior, para que o real beneficiário dos valores não fosse detectado pelos órgãos de controle”, diz trecho de nota divulgada pelo Ministério Público Federal.

São cumpridos oito mandados de busca e apreensão em São Paulo e no Rio de Janeiro. Segundo a operação, Verônica constituiu empresas no exterior com nome oculto para receber pagamentos da Odebrecht destinados ao então governador paulista.

Confira Denúncia do MPF

Loader Loading...
EAD Logo Taking too long?

Reload Reload document
| Open Open in new tab

Download [386.25 KB]


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •