Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

“Aprendi a consertar vazamentos internos, verificar a encanação da minha casa, instalação de chuveiros e pias e entre outras coisas. Além disso, todos os meus filhos são orientados sobre o bom uso e economia de água para evitar o desperdício. Após o curso, pude colocar meus conhecimentos em prática”. A declaração é da agente de portaria Michele Leite.

Ela é uma das participantes de uma das ações promovidas pela Águas de Manaus para a melhoria da qualidade de vida de toda a população, por meio do projeto “Manaus no Coração”. Como um presente para os manauaras, desde outubro de 2019 estão sendo desenvolvidas uma série de ações gratuitas para moradores de várias zonas da capital.

As oportunidades são voltadas para o empreendedorismo, lazer, esporte, cultura, educação, capacitação profissional, bem-estar social, além da melhoria da qualidade de vida dos cidadãos. Entre os projetos, destacam-se os cursos profissionalizantes de culinária, “Água na Boca”, para quem já possuía alguma habilidade ou atividade no setor alimentício e o “Mãos e Obras”, em que homens e mulheres aprenderam sobre a atividade de bombeiro hidráulico.

Moradora do bairro Lírio do Vale, Michele é uma das participantes da primeira turma do curso “Mãos e Obras”. Ela conta como a capacitação agregou como experiência educacional e profissional. “Hoje, estou mais atenta. Aprendi, por exemplo, que precisamos ter um registro em casa, além de melhorar o armazenamento da água. Até já repasso meus conhecimentos para meus vizinhos e também ofereço serviços de bombeiro hidráulico na vila onde moro”, destacou.

As primeiras turmas dos projetos sociais “Água na Boca” e “Mãos e Obras”, já qualificaram 40 pessoas. A ideia é ampliar a iniciativa em 2020 com a oferta de novas turmas. “No caso do curso Água na Boca, algumas pessoas que já trabalhavam no ramo de alimentação, tiverem a chance de aprender ainda mais e incrementarem suas receitas. Já no curso Mãos e Obras, vimos que alguns já até utilizaram seus conhecimentos na renda extra”, afirmou o gerente de responsabilidade social, Semy Ferraz.

Cursos

O projeto “Água na Boca” ofereceu capacitação profissional para moradores da cidade que já possuem alguma prática no ofício. Além da parte culinária, os alunos tiveram aulas de empreendedorismo para que, assim, possam tocar o próprio negócio. As aulas foram ministradas pela chef Débora Shornik, do restaurante Caxiri Amazônia, pelo Senai, Sesi e Associação Zagaia. Ao todo, 20 moradores de vários bairros da cidade foram selecionados após se inscreveram e apresentarem um vídeo com seu interesse em participar da iniciativa.

Já o “Mãos e Obras” capacitou 20 moradores de Manaus para atuarem como bombeiros hidráulicos. O curso gratuito teve o objetivo de inserir os alunos no mercado de trabalho, já que agora eles são capazes de realizar serviços como pequenos reparos nas tubulações e consertos de vazamentos internos em residências. As aulas teóricas foram realizadas no Senai, enquanto as práticas foram ministradas no campo de treinamento do projeto Vem Com a Gente, na Águas de Manaus.

Os dois cursos foram ministrados nos meses de outubro e novembro.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •