Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente Jair Bolsonaro visitou a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, no hospital DF Star, em Brasília, na quinta-feira, 2. Michelle passou por procedimentos cirúrgicos estéticos e, segundo afirmou Bolsonaro, passa bem e está bem-humorada.

Em fala registrada pelo jornal Folha de S.Paulo, o cirurgião Régis Ramos explicou que a primeira-dama trocou as próteses de silicone e corrigiu um afastamento no músculo do abdômen.

“A cápsula, quando começa a engrossar um pouquinho, causa um pouco de dor na mama. Então a gente retira e coloca um implante novo. O implante dela já tinha mais ou menos uns dez, doze anos. Então é necessário a retirada do implante e colocar um novo”, disse Ramos. Segundo o médico, a cirurgia demorou por volta de quatro horas e meia.

Por causa do procedimento, Michelle não acompanhou o presidente na viagem a uma base naval na Bahia no fim de ano. Bolsonaro, que ficaria no local até 5 de janeiro, antecipou o retorno e passou o Réveillon ao lado da mulher, em Brasília.

Na saída do hospital, o próprio presidente informou que ele deve passar por novos exames em fevereiro para avaliar o surgimento de uma hérnia lateral. Bolsonaro já foi submetido a quatro operações desde a facada que levou durante a campanha eleitoral de 2018.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •