Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Ministério Público notificou o empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, foi notificado por colocar flâmula da bandeira do Brasil em 1 cartão de compras que a empresa dá aos clientes. A informação foi divulgada pela jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.

A flâmula no cartão é só um dos meios em que o empresário busca demonstrar o seu “patriotismo”. Nas redes Havan, há cores da bandeira do Brasil nos uniformes dos funcionários, na fachada da empresa, nos cestos de compras. As cores vão também até em ternos que Luciano Hang usa.

Expliquei que a distribuição do cartão é gratuita e que fazemos isso como uma forma de patriotismo”, disse Hang à jornalista.

Questionado se iria parar com o uso da imagem da bandeira brasileira, Hang respondeu: “Vou esperar para ser preso, mas não vou deixar de usar a bandeira”.

Luciano Hang é apoiador declarado do presidente Jair Bolsonaro. Em 2018, fez uma campanha intensa em suas lojas e nas redes sociais a favor do militar. (Poder 360)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •