Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

METRÓPOLES – O clima esquentou na quarta-feira 09/10 durante o lançamento do livro de Fernanda Montenegro em uma livraria do Rio de Janeiro. A socialite Narcisa Tamborindeguy resolveu furar fila para conseguir o autógrafo da artista e acabou levando três tapas nas costas, além de ter sido vaiada e chamada de “bolsominion”.

Segundo a colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, a fila já estava formada há mais de cinco horas quando Narcisa chegou no local. A socialite chegou gritando os seus bordões (“ai que loucura!”) e passou na frente de todo mundo. Neste momento, ela foi vaiada. “E as vaias e gritos de ‘cafona’, ‘fura fila’ e ‘bolsominion’ que as pessoas que estavam na fila há horas fizeram a você. Como recebeu? Achou justo, injusto ou uma loucura? Tremenda falta de educação, respeito e empatia com as pessoas. Ah, você não sabe o que é isso”, escreveu uma pessoa na foto que Narcisa postou no Instagram.

Depois de receber o autógrafo de Fernanda Montenegro, Narcisa estava saindo da livraria e levou três tapões nas costas, além de ouvir reclamação de que estava furando fila. Segundo Fábia, a socialite não revidou e disse que ia ligar para a polícia, mas os militares não apareceram.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •