Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Portal Fato Amazônico declara publicamente o repúdio diante das agressões verbal, física e moral, arbitrariedade e todo tipo de violência empregada na prisão ilegal do Repórter Cinematográfico Jackson Rodrigues, funcionário da Band/ TV Rio Negro, quando fazia a cobertura jornalística de mais um assassinato na manhã desta quinta-feira (27/02/2014) na cidade de Manaus.

Diante dos fatos, das testemunhas e das próprias imagens, fica evidente a prisão errônea e injusta, pois o que observamos foi uma ação policial baseada na violência e truculência, o que constitui um abuso contra as liberdades democráticas e um ataque violento à liberdade de imprensa.

A ação contra este jornalista, mais nos parece uma forma de censura por parte do Estado e da Polícia Militar do Estado do Amazonas.

Portanto, repudiamos o abuso de poder e o cerceamento à liberdade de expressão flagrada neste ato, assim como lamentamos que ainda nos dias de hoje, alguns jornalistas são "calados" forçosamente, vítimas de uma censura herdada do período de Ditadura Militar no Brasil.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •