Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Felipe Santa Cruz apresentou reclamação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra o juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, responsável pela Operação Lava Jato no estado.

Bretas participou de um evento gospel que contou com a presença de Jair Bolsonaro, e o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivela.

Na ação, Santa Cruz pede ao Conselho Nacional de Justiça que abra processo administrativo disciplinar para apurar atos de caráter político-partidário e autopromoção e superexposição do magistrado, que na opinião da OAB representam uma violação da Constituição federal, informa O Estado de S.Paulo.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •