Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um menino de 5 anos morreu, na madrugada desta quinta-feira (13/8), após ter o pescoço cortado pelo pai, em Rio Branco (AC). De acordo com informações do G1, Cristiano Lima Arsenio, 25, riu ao se apresentar na delegacia.

O delegado Frederico Tostes, da Delegacia de Flagrantes (Defla), informou que o pai furou a garganta da criança com uma faca e ainda não se sabe o motivo do crime.

A Polícia Militar ouviu a mãe da criança e, segundo ela, o marido é usuário de drogas. Quando ela acordou pela manhã, encontrou o filho desacordado com um corte no pescoço. Arsenio já não estava em casa.

Informações preliminares repassadas à polícia indicam que uma pastor descobriu o crime. Arsenio ligou para ele durante a madrugada, provavelmente após matar o filho, mas não disse nada e desligou.

O suspeito não apareceu pela manhã para o trabalho voluntário que fazia para a igreja, mas tornou a ligar para o pastor. “Chegando lá, ele estava todo sujo de barro e o pastor disse que o chamou para ir à casa dele, tomar banho e trocar de roupa. O autor tinha dito a ele que estava transtornado mentalmente”, contou o delegado.

Ao retornar à residência, o autor do crime só entrou e trocou de roupa e já retornou para o carro. Em seguida, a mãe da criança apareceu e contou o que havia ocorrido.

O pastor segurou o rapaz para ele não fugir e acionou a polícia. Ele foi encaminhado à delegacia por policiais civis da 1ª Regional da capital. (Metrópoles)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •