Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O governo de Pequim ordenou nesta sexta-feira (12) o fechamento de dois mercados e adiou por tempo indeterminado a volta às aulas do ensino fundamental, marcada para a próxima segunda.

A decisão veio após a aparição de três novos casos de Covid-19 na capital chinesa, depois de dois meses sem registro de contágios.

A China conseguiu conter consideravelmente os contágios, mas nas últimas semanas tem detectado uma alta nos casos, boa parte deles relacionados a chineses que voltaram do exterior.

Os dois últimos pacientes detectados em Pequim são funcionários do centro de pesquisa da carne. Um deles havia visitado recentemente a cidade de Qingdao, no leste do país.

Segundo dados oficiais, em Pequim registrou ao todo 597 casos de Covid-19, e 9 mortes. (AFP)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •