Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

No início da tarde de terça-feira (17/09), por volta de meio-dia, policiais civis da Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em Manacapuru, município distante 68 quilômetros em linha reta da capital, sob a coordenação do delegado Rodrigo Torres, titular da delegacia, deflagraram ação policial que resultou na apreensão de 200 trouxinhas de drogas, dentre oxi e maconha, dois tabletes de maconha, cinco pedras de oxi, além de seis munições de calibre 28 intactas. Os materiais foram apreendidos em um flutuante na orla da cidade e em uma casa no bairro Nova Manacá.

De acordo com a autoridade policial, a equipe da DIP estava monitorando um homem há aproximadamente dois meses, após receber denúncias anônimas informando que no flutuante dele, localizado na orla da cidade, bairro Centro, estaria comercializando substâncias entorpecentes. Conforme o delegado, após os policiais civis constatarem a movimentação suspeita no lugar, foi iniciada a operação policial.

“Chegamos ao flutuante por volta de meio-dia de terça-feira (17/09) e, ao perceber a presença da polícia, por meio de olheiros que estavam nas proximidades, o dono do flutuante empreendeu fuga. Durante buscas realizadas no lugar, apreendemos certa quantidade de drogas e uma balança de precisão. Imediatamente as equipes se deslocaram até a casa do infrator, situada no bairro Nova Manacá, onde foi constatado que ele havia passado no lugar, retirado objetos pessoais e saído do imóvel. No colchão do quarto dele foi apreendido mais um tablete de maconha, além de seis munições de calibre 28 intactas”, explicou Torres.

Procedimentos – O titular da DIP de Manacapuru informou que todo o material apreendido será periciado, e destacou que as investigações em torno do caso irão prosseguir para localizar e indiciar o infrator pela prática de tráfico de drogas. 


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •