Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Durante a madrugada da última sexta-feira (11/09), entre meia-noite e 6h, policiais civis da 63ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Pauini (distante 923 quilômetros em linha reta da capital), deflagraram a operação ‘11 de Setembro’, que resultou na prisão de Humberto Gomes de Moura Neto, conhecido como ‘Ediney’, 38; Randekilson Diego Freitas de Souza, 24; Regiane dos Santos de Souza, 23; Camilo Rachid Albuquerque, 57; e Juvenal Mendes Soares, conhecido como ‘Bia’, 63, pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. As prisões ocorreram em endereços distintos naquele município.

 A operação foi coordenada pelo escrivão André Chaparro, gestor da 63ª DIP, em ação conjunta com a Polícia Militar (PM) e a Guarda Civil Municipal. Conforme o gestor, a prisão dos cinco infratores é decorrente de investigação policial que durou cerca de 11 meses.

 “Inicialmente, nós começamos investigando Humberto Gomes de Moura Neto, que é um dos maiores traficantes do município e que fornecia as drogas aqui na região. A partir de Humberto, a equipe de polícia chegou até os outros envolvidos. Todos presos na madrugada de sexta-feira”, detalhou o escrivão.

De acordo com Chaparro, durante a operação, foram apreendidos: 17 pacotes de substância supostamente pasta base de cocaína, 67 trouxinhas de substância supostamente cocaína, um pacote de substância supostamente cocaína, uma porção de substância supostamente cocaína, nove embarrados de substância supostamente maconha, um aparelho celular, um automóvel, uma motocicleta, duas balanças de precisão, R$ 725 em espécie, além de material utilizado no embalo dos entorpecentes.

Procedimentos – Os cinco indivíduos irão responder pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Após os procedimentos cabíveis, eles foram encaminhados a carceragem da unidade policial onde ficaram à disposição da Justiça.

Com informações da assessoria da PC


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •