DELEGADO RODRIGO TORRES
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A equipe de investigação da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manacapuru, sob o comando do delegado Rodrigo Torres, titular da unidade policial, cumpriu na manhã de quinta-feira (13/6), por volta das 11h, mandado de prisão preventiva por roubo majorado em nome de Max Wenderson Rios Reis Borges, 21. O infrator foi preso na casa onde estava morando, situada no bairro Nova Manacá do município, distante 68 quilômetros em linha reta da capital.

De acordo o titular da unidade policial, o crime ocorreu na madrugada do dia 12 de janeiro deste ano, por volta de 1h30, em uma residência situada na rua Vasconcelos, no bairro Nova Manacá. Na ocasião, Max, um adolescente e mais dois indivíduos, ainda não identificados, abordaram cinco pessoas que estavam saindo do imóvel e furtaram aparelhos celulares e relógios. Durante a ação criminosa, os infratores chegaram a efetuar um disparo de arma de fogo, no entanto, as vítimas não foram atingidas.

“As investigações iniciaram assim que tivemos conhecimento do caso, e posteriormente identificamos Max. A partir disso, representei à Justiça o pedido de prisão em nome dele. A ordem judicial foi expedida no dia 11 deste mês, pelo juiz Geildson de Souza Lima, substituto da 1ª Vara da Comarca de Manacapuru”, relatou Torres.

Max Wenderson foi indiciado por roubo majorado e corrupção de menores. Após os procedimentos cabíveis na delegacia, ele será mantido na carceragem da DIP de Manacapuru, à disposição da Justiça.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •