Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O delegado Ivo Martins, titular do 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP), falou na manhã desta quinta-feira (8/8), durante coletiva de imprensa realizada às 11h, no prédio da unidade policial, sobre o cumprimento do mandado de prisão preventiva, por roubo majorado, em nome de Karen Moura de Paula, 24, procurada por dois roubos cometidos em transportes públicos, em 2016 e 2017, no bairro Centro, zona sul da capital.

De acordo com a autoridade policial, o primeiro crime ocorreu no dia 5 dezembro de 2016, quando a infratora, acompanhada de outro indivíduo, que ainda está sendo investigado, entrou em um ônibus no momento em que ele trafegava pela avenida Leonardo Malcher, bairro Centro. Os infratores subtraíram a renda do veículo e aparelhos celulares dos passageiros.

“Verificamos que se trata de dois casos de roubo majorado, ocorridos em 2016 e 2017. O que chama atenção, que lamentavelmente vem ocorrendo, é que ela foi solta na audiência de custódia nos dois casos, sob o compromisso de comparecer mensalmente ao fórum. Entretanto, não compareceu. Por essa razão, as prisões preventivas foram decretadas desde o primeiro roubo, ocorrido em 2016”, declarou o delegado.

Ivo Martins relatou que o segundo crime ocorreu em 2 de outubro de 2017, quando novamente Karen abordou passageiros de uma linha de transporte coletivo e roubou os aparelhos celulares e outros pertences das vítimas. O titular do 18º DIP disse que a mulher compareceu ao prédio da unidade policial para registrar um Boletim de Ocorrência (BO), por perda de documentos.

“No momento em que ela veio registrar a ocorrência, servidores do 18º DIP constataram a existência, em aberto, de dois mandados de prisão em nome dela. Imediatamente as ordens judiciais foram cumpridas”, explicou Martins.

O primeiro mandado foi expedido no dia 5 de dezembro de 2016, pela juíza Karen Aguiar Fernandes. Já o segundo foi expedido no dia 18 de julho de 2017, pelo juiz Gilmar Câmara Souza. Ambos são da 8ª Vara Criminal.

Indiciamento – Karen foi indiciada por roubo majorado. Ao término dos procedimentos cabíveis no prédio da unidade policial, ela será levada ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), onde irá ficar à disposição da Justiça. 

Para concluir, Ivo Martins pede às pessoas que reconheçam Karen como autora de delitos, para procurar a equipe do 18° DIP. A unidade policial está situada na rua Chico Mendes, 145, bairro Novo Israel.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •