Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Equipe de plantão do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb), do Comando de Policiamento Ambiental  (CPAmb) da Polícia Militar, deteve nesta quarta-feira (03/06), por volta de 1h, uma canoa com motor rabeta que conduzia carga de madeiras serradas nas proximidades da Ponte Rio Negro, zona oeste de Manaus.

Segundo os policiais do BPAmb, a equipe estava em patrulhamento na região da ponte quando visualizou a canoa e se aproximou para verificação. Ao abordar a embarcação, os policiais perceberam a carga dividida em blocos e pranchas, somando aproximadamente 13 metros cúbicos de madeira serrada.

Ao ser questionado sobre o material, o condutor da canoa nada soube ou quis responder, e também não apresentou o Documento de Origem Florestal (DOF), necessário para atestar a conformidade legal da carga transportada.

Diante das evidências, o condutor da canoa foi encaminhado para a 2ª Companhia Fluvial, onde passou por perícia e, em seguida, foi entregue no 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), junto com o carregamento e enquadrado por transporte ilegal de madeira.

O Comando de Policiamento Ambiental (CPAmb) alerta que todo aquele que vende, transporta, guarda ou expõe a venda materiais retirados ilegalmente do meio ambiente, comete crime ambiental e fica sujeito às penalidades da lei.

Com informações da assessoria da PM


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •