Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Pela primeira vez no Estado, o curso de patrulhamento ostensivo com motos está sendo ministrado pela Polícia Militar do Amazonas. Ao todo, 20 policiais estão passando por treinamento para integrar as Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), com o apoio de motocicletas. O projeto Rocam Moto deve ser lançado até o final do ano, e a expectativa é contemplar corredores de ônibus e o comércio. Esta é a quarta turma do curso, que já formou outros 72 PMs.

O projeto é idealizado pelo secretário de Segurança, coronel Louismar Bonates. O objetivo do novo policiamento especializado é combater a criminalidade atuando nas áreas comerciais para inibir crimes de furtos e roubos, além de fornecer rapidez e mobilidade à polícia para chegar às ocorrências.

O curso tem duração de três semanas e está dividido em três fases. Na primeira, os alunos têm aulas teóricas das doutrinas da Rocam e rotina de trabalho. A segunda fase abrange aulas de aperfeiçoamento de pilotagem, maneabilidade da motocicleta e pilotagem em terreno de terra. Na terceira e última fase, os policiais praticam a doutrina do motopatrulhamento, abordagem, conduta na motocicleta e policiamento ostensivo.

De acordo com o comandante do curso, capitão Michel Vilarindo, o treinamento vem sendo realizado com os policiais interessados em integrar o serviço. “Hoje é um projeto de governo para reativar a companhia de motos da Rocam, e estamos realizando treinamento com os policiais que são voluntários para compor essa unidade. Estamos formando, treinando, capacitando a quarta turma do estágio de rondas ostensivas com apoio de motocicleta, com o objetivo de ativar esse policiamento”, informou.

O capitão disse, ainda, que todos os policiais que participam do curso têm experiência com patrulhamento comunitário, pois estavam lotados em Companhias Interativas Comunitárias (Cicoms) e irão atuar no patrulhamento em áreas comerciais da cidade.

“Nosso trabalho será ostensivo e diferenciado por ser de fácil locomoção. É claro que vamos atuar em outras áreas dependendo da solicitação, mas a prioridade são as áreas de grande fluxo de pessoas e ruas de difícil acesso das viaturas comuns”, disse Vilarindo.

O Governo do Amazonas já abriu edital para aluguel de dois modelos de motocicletas para serem utilizadas no motopatrulhamento Rocam. Ao todo, estão previstos 60 veículos para emprego nessa modalidade de patrulhamento.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •