Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Policiais militares da 9ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), na noite da quinta-feira (10/09), detiveram três pessoas, duas delas de 22 anos e uma de 20, por estelionato, e apreenderam uma adolescente de 17 anos, por ato infracional análogo ao crime de estelionato. O fato ocorreu no bairro São José I, zona Leste de Manaus.

A equipe policial realizava patrulhamento ostensivo de rotina pelo São José I quando foi abordada, por volta das 21h, por um homem de 24 anos, que afirmou estar sendo vítima de um grupo de estelionatários. Ele informou aos policiais que estava indo realizar um negócio com uma das integrantes do grupo no campo do Bahia, localizado no mesmo bairro.

A guarnição deu o suporte necessário à ocorrência e se deslocou até o endereço informado. No local, os policiais abordaram uma mulher de 22 anos, apontada pela vítima como suposta infratora. A equipe policial questionou a suspeita sobre suas infrações e sobre os demais integrantes da quadrilha. Ela informou que eles iriam repassar um comprovante de pagamento bancário falso para a vítima, depois do que ela pegaria o celular e, na rua 10 do bairro São José 4, encontraria os demais integrantes, que estariam esperando por ela em um carro de cor vermelha, modelo Chevrolet Onix.

A equipe deteve a mulher e se dirigiu ao local informado por ela, onde o grupo todo supostamente se encontraria. Chegando à rua 10, os policiais militares avistaram o veículo com as características repassadas, que foi abordado, e realizaram revista pessoal em cada indivíduo e buscas no interior do automóvel.

Foram detidos dois homens de 20 e 22 anos, além da mulher de 22 anos, e apreendida uma adolescente de 17 anos. No interior do carro, foram encontrados e apreendidos três aparelhos celulares, duas carteiras porta-cédulas, um cordão, duas chaves veiculares e uma quantia de R$ 781,00 em espécie.

Diante dos fatos, os três adultos detidos e a adolescente apreendida foram conduzidos, juntamente com o material apreendido e a vítima, ao 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para os procedimentos cabíveis previstos em lei.

Com informações da assessoria da PM


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •