Entrega de certificados os cursos de teatro e exercitando a memória. Foto: Jackeline Brazão / Manaus Previdência.
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A dramatização da obra “Os Saltimbancos”, de Chico Buarque, marcou o encerramento dos cursos de teatro e de exercitando a memória, promovidos pela Prefeitura de Manaus aos aposentados e pensionistas do município. As  atividades finalizaram nesta segunda-feira, 14/10, na sede da Manaus Previdência, na avenida Constantino Nery, nº 2.480, Chapada, zona Centro-Sul, após quase dois meses de aula.

“A importância dos cursos vai além da sociabilidade que proporcionamos aos aposentados. É o desenvolvimento pessoal, que muitas vezes eles acham que não possuem mais. Algo bem perceptível também foi no curso de exercitando a memória que alguns alunos estavam em situações emocionalmente fragilizados e eles tiveram uma concepção nova”, enfatizou a psicóloga Anna Karina Lima, da Manaus Previdência.

O curso é uma parceria entre a Previdência e a Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), vinculada à Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad).

A diretora do Departamento de Educação e Aperfeiçoamento (Deap) da Espi/Semad, Jeânia Bezerra, destacou a valorização dos cursos de teatro e de exercitando a memória na terceira idade. “O curso de teatro nos ajuda muito em qualquer idade. O desafio de encontrar profissionais para fazer o trabalho que o professor fez é difícil. E na apresentação que presenciei eu pude ter uma noção do quanto os alunos se esforçaram para decorar os textos e mostrar as suas criatividades”, disse.

Entrega de certificados os cursos de teatro exercitando a memória.r foto: Jackeline Brazão / Manaus Previdência.

As atividades de exercitando a memória foi ministrada pela professora Larissa Cavalcanti e de teatro pelo professor Dayvisson Caldas. “O curso trouxe uma gama de resultados positivos por parte dos alunos durante os ensaios. Tudo o que a plateia presenciou durante o espetáculo, eles que construíram por meio de um processo corrido, onde cada um contribuiu de sua melhor maneira”, contou Caldas.

Para a aluna Leny Lima, 63, o curso de teatro proporcionou segurança na forma de se comunicar. “Quem era tímido durante o curso perdeu a timidez. E não só isso, fez bem para a nossa mente, pois trabalhamos muito isso ao decorarmos textos”, relatou, acrescentando que pretende se inscrever novamente nos cursos no próximo ano.

Informações sobre as atividades podem ser obtidas por meio do telefone (92) 3186-8000, ou pelo webchat (http://manausprevidencia.manaus.am.gov.br/), ambos das 8h às 17h.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •