Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Mais de três mil servidores, entre professores, pedagogos, gestores escolares e assessores pedagógicos participaram da maratona “Coaching na Educação”, promovida pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio de lives. A atividade foi conduzida pela master coach Cybele Monteiro, idealizadora e responsável pelo projeto, executado desde 2015 na rede municipal de ensino de Manaus.

A maratona, promovida pelo Departamento Geral dos Distritos (Degd) e coordenada pelo Núcleo de Parcerias Institucionais (Nupi) da Semed, teve como objetivo trabalhar aspectos da saúde emocional de todos os servidores da rede, em especial os profissionais que estão envolvidos diretamente no processo de ensino dos alunos atendidos pela Semed.

A atividade aconteceu no período de 1º de abril a 30 de maio, no momento de isolamento social, onde foi recomendado à população, inclusive aos servidores da Semed e demais secretarias da Prefeitura de Manaus, que ficassem em casa para evitar o contágio da Covid-19 na cidade.

A proposta da maratona foi debater e discutir um tópico central a cada dia. O público das lives era bem diversificado, com participantes inclusive das cidades de São Paulo (SP), Fortaleza (CE) e até de outros países, mas o público principal são os educadores da rede municipal de ensino.

Segundo a coach sistêmica Cybele Monteiro, foi propiciado aos participantes da maratona uma gama de conhecimento e tópicos que ajudaram a desenvolver neles pontos importantes utilizados no momento de isolamento social e pós-pandemia.

“Quem acompanhou desde o primeiro dia, desenvolveu pontos como autorresponsabilidade, maturidade emocional e também a tomar decisões para mudar e transformar sua vida durante o momento de pandemia e pós-pandemia, pois esses resultados vão aparecer muito mais lá na frente, quando usarem as técnicas que aprenderam no seu dia a dia”, ressaltou.

A master coach frisou ainda que a maratona representou uma nova experiência na sua vida profissional, porque foi a primeira vez que trabalhou o tema saúde emocional de forma virtual. Segundo ela, a atividade também superou as expectativas da Semed.

 “Foi momento muito satisfatório para gente porque alcançamos, como secretaria, o objetivo de ter dado esse apoio contínuo durante 60 dias para os professores e ficamos felizes porque tivemos uma interação foi muito boa. Percebemos que o conteúdo foi bem aceito e acolhido pelos professores. Por isso, como profissional, fico feliz também por ter contribuído com a qualidade de vida de todos os participantes e seus familiares”, comentou Cybele.

Maratona
A maratona “Coaching na Educação” acontecia sempre de 19h30 às 20h30 e cada transmissão participava 58 pessoas, com uma média de 3.500 visualizações durante cada live.

Temas como o conceito do que é inteligência emocional, as dez competências emocionais pessoais, criadas pelo autor americano Daniel Goleman, o conceito de coach integral sistêmico fizeram parte das transmissões. Além disso, foi trabalhado os tópicos procrastinação, autossabotagem, autorresponsabilidade e tratado sobre substâncias químicas produzidas pelo cérebro, essenciais para o desempenho de funções físicas e psicológicas como a dopamina, serotonina, endorfina e a ocitocina.

Para Patrícia Carvalho, professora de educação infantil da creche Maria Ferreira Bernardes, o momento foi de aprendizado. “Foi bastante enriquecedor e proveitoso na área das nossas emoções. Perdi apenas umas seis ou sete lives. Aprendi muito sobre as inteligências, principalmente a inteligência emocional, competência emocionais pessoais e sociais, equilíbrio positivo produtivo, empatia, voz negativa e voz positiva, enfim aprendi muita coisa importante”, disse.

Já a educadora Jucélia Carvalho, do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Blandino José Ribeiro, a maratona foi essencial para sua vida pessoal e profissional. “Foram momentos muito proveitosos, onde aprendi coisas importantes que, com certeza, vou levar tanto para vida pessoal quanto para minha prática pedagógica a partir de agora”, comentou.  


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •