Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Em mais uma inovação para melhorar a aprendizagem dos alunos municipais, a Prefeitura de Manaus lançou na segunda-feira, 19/8, o “Programa de Reforço Escolar Mediado por Tecnologia”, da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que conta com o investimento do Projeto de Expansão e Melhoria Educacional da Rede Pública Municipal de Manaus (Proemem). O programa é mais uma ferramenta pedagógica do Instituto Ayrton Senna (IAS), que será coordenado pela empresa Super Ensino. O evento ocorreu no auditório da Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), na avenida Maceió, bairro Parque 10, zona Centro-Sul de Manaus. 

A ferramenta atenderá mais de 20 mil alunos do 5º ao 9º anos do ensino fundamental em 51 escolas municipais. O reforço acontecerá nos laboratórios de informática, nas salas de aula e espaços não formais da escola. Os estudantes também poderão utilizar o programa em casa, o aplicativo, com o nome de “Super Ensino”, pode ser baixado em smartphone com sistema Android, para reforço dos conteúdos curriculares e assim melhorar a aprendizagem dos estudantes com as metodologias ativas auxiliadas por tecnologias diversas.   

A secretária municipal de Educação, Kátia Schweickardt, destacou a importância em conscientizar os alunos a utilizar as tecnologias não apenas para o lazer e entretenimento, mas também como um recurso para a aprendizagem.  “A intenção é que a tecnologia seja utilizada pelos alunos da rede municipal também para melhorar a aprendizagem de conteúdos. A determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto é que se invista em inovação tecnológica dentro das ações pedagógicas da Semed como fator para promover a qualidade do ensino em Manaus”, salientou.

O Programa de Reforço Escolar ajudará nas disciplinas de língua portuguesa, matemática, ciências, história, geografia e também na preparação para o Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), que acontece em novembro deste ano. Pela plataforma ou aplicativo, os alunos, pais e gestores poderão ter acesso a todos os conteúdos. “Nosso objetivo é transformar a educação utilizando a tecnologia e que haja uma interação da criança com as constantes transformações e que possa contar com o apoio e envolvimento da família, facilitando o acesso aos conteúdos de qualidade, dando oportunidade ao educando modificar a sua forma de aprendizagem, que é utilizando o tablet, celular ou computador, que é algo já muito utilizado por eles”, disse o membro do Conselho da Super Ensino, Fernando Amaral Lucas.

Um dos componentes do Proemem é a melhoria na qualidade da educação e gestão educacional, assim como a expansão do número de escolas com a construção dos Centros Integrados Municipais de Educação (Cimes) e administração de projetos. “A implementação dessa plataforma de reforço é mais um passo que a gente dá na melhoria da qualidade de ensino, para buscar indicadores cada vez mais significativos, assim como métodos cada vez mais modernos, para que a educação de Manaus continue sempre entre as melhores no Brasil”, ressaltou o coordenador do Proemem, Adriano Santos.

Os alunos terão disponível, na plataforma, mais de 1,5 mil videoaulas interativas, um banco com questões justificadas, conteúdos adaptados à ementa curricular da Semed, relatório de desempenho em tempo real, entre outros. Já os pais e professores terão relatórios do desempenho do aluno e um canal de mensagem entre eles.

“Esta é mais uma possibilidade voltada para a educação. Nossos alunos estão muito acostumados a usar o celular para utilizar vídeos e jogos, atividades que não têm como foco a educação. Essa ferramenta vai contribuir bastante na aprendizagem do aluno, ele vai aprender vendo vídeos e fazendo exercícios em um material muito utilizado por eles”, mencionou o coordenador do Telecentro, Daniel Pereira, da escola municipal São Pedro, bairro Compensa, na zona Oeste. 


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •