Arquivo Pessoal
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A adolescente Kamilly Alves, de 17 anos, foi morta dentro de casa no Rio de Janeiro. Segundo a família da vítima, a polícia informou que o corpo estava amarrado e tinha sinais de estrangulamento. A suspeita dos parentes é de que a jovem foi morta pela namorada da mãe dela. As informações são do jornal Extra.

“O que Kamilly nos contava é que a mãe dela e a namorada estavam brigando muito e que elas já estavam num processo de separação. Mas a mulher não aceitava”, contou Andrielle Silva, prima da vítima, ao jornal Extra.

Ainda segundo Adrielle, o crime teria sido cometido na última quinta-feira (10). “A mãe de Kamilly saiu para trabalhar, e a namorada foi junto até o ponto de ônibus. Ela teria pedido dinheiro para poder procurar emprego. Mas, minutos depois, voltou para casa e cometeu o crime”, diz a prima da vítima.

“Eu não vi o corpo, mas sabemos dos detalhes porque a própria assassina, depois do crime, foi até a casa da irmã e confessou o que tinha feito. Ela teria falado assim: ‘Matei a Kamilly, e o corpo tá lá dentro da casa num saco preto’. Ela estava com uma mochila e sumiu”, afirmou Adrielle ao Extra.

Mãe e filha preparavam mudança

Conforme a prima da vítima, a mãe de Kamilly havia encontrado outra casa para morar com a filha, mas ainda aguardava a entrega das chaves. “A mãe da Kamilly estava fazendo tudo para evitar mais brigas. E queria sair logo da casa onde estava para tentar dar mais segurança para a filha. Infelizmente, essa brutalidade aconteceu”, lamentou Andrielle.

Ainda de acordo com o Extra, o caso está sendo apurado pela Delegacia de Homicídios da Capital. Em nota, a Polícia Civil informou que “as investigações estão em andamento e diligências estão sendo realizadas para esclarecer o caso”, mas não informou qual é a linha de investigação e se a namorada da mãe é suspeita do crime. Com informações de IstoÉ.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •