Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

ESTADÃO – O São Paulo aceitou ceder o meia-atacante Everton Felipe e o centroavante Tréllez ao Cruzeiro por empréstimo em 2020. No entanto, o clube mineiro ainda precisa negociar com os jogadores que não estão nos planos do técnico Fernando Diniz para a temporada.

O São Paulo aguarda o desfecho das conversas entre Cruzeiro e jogadores. Everton Felipe se empolgou com a possibilidade de atuar no time mineiro, mas Tréllez ainda tem o desejo de permanecer no clube tricolor.

“Já nos acertamos com o Cruzeiro, e agora tem uma negociação entre Cruzeiro, Everton Felipe e Tréllez. Estamos em espera. Nunca envolveu uma coisa ou outra. Foi uma coisa que o Cruzeiro viu com bons olhos se conseguisse levar os dois, mas para nós nunca esteve vinculado uma coisa com a outra. O Cruzeiro viu com bons olhos levar os dois, para resolver dois problemas de uma vez só. Mas para nós nunca esteve vinculado um ao outro”, afirmou o gerente de futebol do São Paulo, Alexandre Pássaro.

Tréllez tem contrato com o São Paulo até o fim de 2021. Seu salário é considerado alto, e o clube quer emprestá-lo novamente ou vendê-lo. Em 2019, o jogador defendeu o Internacional e não teve sucesso, com 13 partidas disputadas e nenhum gol marcado.

Everton Felipe auou no Athletico-PR no segundo semestre de 2019 e não teve grande destaque. O Sport tentou o empréstimo do meia-atacante para 2020, mas a oferta foi recusada pelo São Paulo por causa da divisão dos salários. O jogador tem contrato com o clube tricolor até o meio de 2022.

Caso não sejam negociados, eles se reapresentarão ao São Paulo na próxima semana ao lado de outros jogadores que não estão nos planos, como Léo Natel, Jonatan Gómez, Paulinho Boia e Araruna. Os atletas treinarão separadamente do restante do elenco, que se reapresentou no dia 8 de janeiro.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •