Foto: Lincoln Ferreira
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os gestores da rede pública estadual estão participando do Encontro Formativo de Gestores, promovido pelo Secretaria de Estado de Educação e Desporto, por meio do Centro de Formação Profissional Padre José Anchieta (Cepan), para se prepararem para o retorno das atividades escolares presenciais, ainda sem data definida.

A formação, que termina nesta quarta (08), tem como pauta a reflexão sobre a nova dinâmica de funcionamento da escola após o retorno das atividades escolares, na perspectiva de acolhimento, gestão de liderança e gerenciamento dos protocolos adotados pela Secretaria de Educação.

O secretário de Educação em exercício, Luis Fabian Barbosa, abriu a reunião ontem (07) dando boas-vindas aos mais de 700 profissionais que acompanhavam a transmissão. Barbosa ressaltou o empenho dos gestores no desenvolvimento dos programas iniciados durante a suspensão de aulas presenciais.

“É com muito orgulho que posso dizer que o Amazonas produziu conteúdo para vários municípios do nosso país, conteúdo esse elaborado com o esforço dos nossos professores da rede estadual e dos nossos técnicos do nosso Centro de Mídias. Parabéns a toda a rede, que possibilitou que tudo isso acontecesse. Parabenizo, também, a cada um dos gestores pelo cuidado com os programas ‘Aula em Casa’ e ‘Merenda em Casa’, ao longo desses mais de três meses que se passaram. Vocês foram essenciais”, afirmou o secretário.

“É com muita alegria que recebemos os educadores para esses dois dias de encontro. Esperamos que seja um momento muito profícuo e que, após essas formações, estejamos muito mais preparados para receber nossos 445 mil alunos que logo retornarão às atividades”, emendou Luis Fabian.

A programação conta com debates sobre “Competências Socioemocionais: acolhimento e escuta da comunidade escolar”, “Comunicação e interação na ressignificação da gestão escolar democrática” e “Legislação Educacional: o que muda na avaliação da aprendizagem?”.

A diretora do Cepan, Ana Lucena, diz que a programação foi pensada para dar o acolhimento aos gestores e enfatizar como eles devem fazer o acolhimento em suas escolas, dadas as situações de doenças e óbitos vividos pelos alunos e servidores. “Vamos dar ênfase também em algumas competências da gestão, dentre as quais a comunicação e interação, porque entendemos que esse é um momento de muito diálogo com a comunidade por causa dos desafios com o retorno”, ressalta.

Convidados – Para dar as formações, foram convidadas as professoras Lourdes Atiê, da LIV Educacional; Luciana Reis, Antônia Campos, e Maria Zenilda Lima, da Secretaria de Educação; e a sanitarista Josielen Amorim, da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM). O professor Alex Herculano foi o responsável pela apresentação, e a psicóloga Adriana Magalhães fez a acolhida do evento.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •