Foto: Arthur Castro
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Neste sábado (18/01), o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), realizará uma roda de conversa com grupos de idosos, às 8h30, no Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) Elisa Bessa Freire, localizado na avenida Itaúba, bairro Jorge Teixeira, na zona leste de Manaus. A ação faz parte da campanha Janeiro Branco, que busca conscientizar e sensibilizar pessoas da terceira idade sobre os cuidados com a saúde mental.

A titular da Sejusc, Caroline Braz, explica que a atividade com os grupos Unidos em Cristo e Longevidade vai abordar questões como identificar os sinais que podem caracterizar a depressão, início da Doença de Alzheimer, além de divulgar os serviços de apoio oferecidos pelo Estado.

“Esperamos motivar os idosos e familiares para os cuidados com a saúde mental, a manutenção da autoestima, a busca pelo autoconhecimento e a importância do fortalecimento dos laços afetivos com a família”, comenta a secretária. “Nossa equipe também estará à disposição para atendimento”.

A responsável pela pasta enfatiza que a programação tem o objetivo de aproximar a população dos serviços do Governo. Caroline Braz adianta que, neste mês, a Sejusc também promoverá rodas de conversa na zona sul.

“O Brasil registra cerca de 8,9 suicídios entre idosos para cada 100 mil habitantes, conforme estudo feito pelo Ministério da Saúde em 2017, e aponta que idosos de 70 anos ou mais apresentam maiores taxas de mortalidade em decorrência da depressão. Então, o que nós queremos é chegar cada vez mais perto desse público com informação e apresentar as possibilidades de atendimento, mostrar que eles têm com quem contar, além da família”, afirma a secretária.

Programação – A atividade iniciará com um alongamento para os idosos e, em seguida, terá um ato simbólico com balões brancos na área externa do Ceti Elisa Bessa Freire.

Na roda de conversa, além da equipe da Sejusc, estarão presentes a psicóloga Andréa Nogueira e a assistente social Val Dias, do projeto multiprofissional parceiros da escola (Propae).

Cipdi – A Sejusc dispõe de um Centro Integrado de Proteção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Cipdi), localizado no anexo à Delegacia Especializada em Crimes contra o Idoso, na rua do Comércio, s/nº, bairro Parque Dez, zona centro-sul.

Entre os serviços oferecidos pelo centro estão orientações, visitas em domicílio, articulação de ações de cidadania, encaminhamentos à Delegacia Especializada e mediação de conflitos.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •