Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Gazeta Esportiva – Jorge Sampaoli é protagonista de várias especulações nos últimos dias: Racing, Palmeiras, São Paulo… O técnico, porém, só pensa no Santos e vai avaliar convites a partir de 9 de dezembro, depois do fim do Campeonato Brasileiro.

Sampaoli não trabalha mais com o advogado Fernando Baredes, seu ex-representante, e conta apenas com um profissional de comunicação da sua confiança para responder por ele. E o recado é claro: “Nada até dezembro”.

A exceção foi o Racing por causa da amizade com Diego Milito, diretor de futebol. O treinador recebeu o compatriota em Santos, ouviu sobre o projeto e pediu para continuar o papo no próximo mês. O clube argentino, inclusive, é o único com interesse concreto desde a chegada de Sampaoli no Peixe. Os outros casos, como do Flamengo e Atlético-MG, não passaram de sondagem via intermediários.

Jorge Sampaoli quer manter a boa fase do Alvinegro para terminar o ano em alta e na história. O vice-líder precisa de quatro pontos em 12 para superar a melhor campanha na história dos pontos corridos com 20 integrantes, desde 2006.

A permanência no Santos é improvável, mas não está descartada. Neste momento, a resposta seria “não” por causa da insegurança sobre o planejamento do Peixe. O contrato termina em 31 de dezembro de 2020 e, a partir de janeiro, não há multa rescisória.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •