Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A campanha do Setembro Amarelo, que busca promover discussões sobre saúde mental e prevenção ao suicídio, ganhou ainda mais destaque este ano por conta da pandemia. Em todo o mundo, o isolamento tem contribuído para o desequilíbrio emocional de grande parte da população e acentuado distúrbios psicológicos. De acordo com uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), a quarentena foi responsável pelo agravamento dos quadros psiquiátricos no país, despertando um alerta para a necessidade de ações e projetos direcionadas ao cuidado mental.

Com o objetivo de oferecer um espaço de acolhimento e informações aos estudantes e ao público em geral, o Anglo promoverá duas lives gratuitas sobre saúde mental e física em tempos de isolamento. A primeira ocorre no dia 10 de setembro, às 17 horas, e conta com a participação do psiquiatra Lucas Naufal Macedo para discutir os impactos da quarentena na saúde mental. A segunda será no dia 17 de setembro, no mesmo horário, e terá como convidada a fisioterapeuta Julianna Toschi, para abordar os efeitos do confinamento na saúde física da população.

Para Daniel Perry, diretor do Curso Anglo, as escolas têm o compromisso de oferecer suporte psicológico aos estudantes, construindo espaços mais humanizados e que permitam que aluno se sinta mais seguro para lidar com dificuldades. Perry destaca que a sobrecarga emocional dos jovens impacta diretamente o desempenho, o que pode fragilizá-los ainda mais.

“As instituições devem buscar oferecer orientação individualizada com psicólogos especialistas no segmento, além de oficinas em grupo e palestras que abordem questões importantes, como planejamento de estudos, escolha da carreira, ansiedade, depressão e mesmo o suicídio”, explica o diretor.

As inscrições para as lives já estão abertas e podem ser realizadas pelo link https://materiais.cursoanglo.com.br/setembroamarelo2020

Sobre o Anglo Vestibulares (www.cursoanglo.com.br )– O Anglo Vestibulares iniciou suas atividades em São Paulo na década de 1950, sendo o primeiro curso preparatório para vestibular do país. Vinte anos mais tarde, expandiu a sua atuação para o Ensino Médio, com o Sistema Anglo de Ensino que, hoje, fornece material estruturado, da Educação Infantil ao Pré-Vestibular, para escolas conveniadas de todo o país. Atualmente, o curso conta com mais de 4 mil alunos em duas unidades. Reconhecido pelos altos índices de aprovação em vestibulares, seus alunos preenchem as vagas das melhores universidades do Brasil.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •