Compartilhe
  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    3
    Shares

Os delegados Mariolino Brito, e delegado Jeff David Mac Donald, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), falaram na manhã desta terça-feira (31), durante coletiva de imprensa realizada às 11h, no prédio da especializada, sobre a prisão de Frednilson Souza Ribeiro, 29, conhecido como “Lágrima”, em cumprimento a mandado de prisão por homicídio qualificado.

De acordo com o titular da DEHS, o infrator é apontado como autor de, pelo menos, três homicídios ocorridos na zona centro-oeste da capital. Mac Donald explicou que “Lágrima” foi preso na casa de familiares, no bairro Alvorada, zona centro-oeste de Manaus, durante ação conjunta envolvendo equipes da DEHS, 10° Distrito Integrado de Polícia (DIP) e Secretaria-Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai), vinculada à Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

A ordem judicial em nome de Frednilson foi expedida no dia 19 de julho deste ano, pela juíza Anagali Marcon Bertazzo, no Plantão Criminal. No momento da coletiva, o delegado-geral destacou os trabalhos investigativos que vêm sendo realizados pelos servidores da instituição, com o intuito de elucidar homicídios ocorridos na capital.

“Nós já estamos há uma semana com essa ação de investigação, trabalhando na elucidação de homicídios que aconteceram nesse período. Hoje estamos apresentando o resultado do trabalho conjunto entre a DEHS, 10° DIP e Seai, que culminou na prisão de “Lágrima”, que é um cidadão que acumula histórico de homicídios. O trabalho continua. Iremos apresentar o resultado na medida em que formos tirando de circulação as pessoas envolvidas nos delitos”, pontuou Mariolino Brito.

Homicídios – Conforme Mac Donald, “Lágrima” confessou o homicídio de Emerson Santos de Lima, que era conhecido como “Lobinho”. O crime aconteceu no dia 13 de fevereiro deste ano, na rua Criciúma, segunda etapa do bairro Alvorada, zona centro-oeste. O infrator alegou que matou “Lobinho” em razão de uma desavença, durante uma partida de futebol ocorrida em 2014. A vítima tinha 27 anos.

O titular da DEHS declarou que na época, o time da vítima venceu a competição e “Lobinho” teria começado a desprezar o grupo que perdeu, o qual “Lágrima” fazia parte. “Após esse fato, Frednilson iniciou ameaças e também já tinha tentado matar a vítima. No dia do crime, o infrator encontrou “Lobinho” caminhando em via pública, quando o abordou e efetuou disparos de arma de fogo que atingiram a vítima”, disse.

Jeff David Mac Donald relatou, ainda, que “Lágrima” é autor do homicídio de Raimundo Nonato Lima Siqueira Júnior, que era conhecido como “Alfredão”. O crime ocorreu no dia 27 de novembro de 2017, na rua Rosina Ferreira, segunda etapa do bairro Alvorada. A vítima tinha 22 anos.

“Frednilson informou que a vítima era usuária de drogas e estava cometendo furtos naquela localidade e, por isso, estava chamando a atenção da polícia e prejudicando, também, a venda de entorpecentes na região. Por isso resolveu matar “Alfredão”. No dia do crime, “Lágrima” encontrou Raimundo em uma área de mata. Em seguida desferiu várias facadas na vítima. Após a ação criminosa, Frednilson e outros dois comparsas, que estão sendo investigados, enterraram o corpo de Raimundo”, informou o titular da DEHS.

A autoridade policial destacou que “Lágrima” confessou, também, o homicídio de um homem identificado apenas como “Feijão”. O delegado afirmou que as equipes da DEHS estão tentando identificar a vítima e o dia em que aconteceu o delito.

“Estamos trabalhando, também, nesse caso, pois o infrator afirmou que matou “Feijão” nas proximidades do Centro de Convenções (Sambódromo). Frednilson argumentou que desferiu várias facadas na vítima porque ela estaria com uma arma de fogo dele e não queria devolver. Após o crime, “Lágrima” disse que jogou o corpo da vítima em um igarapé, naquela área da cidade”, declarou Mac Donald.

O titular da DEHS comentou que “Lágrima” confessou a autoria desses três homicídios e afirmou que trabalha para o traficante Carlos Alberto Soares dos Reis, 26, o “Carlinhos”, preso em flagrante na madrugada de segunda-feira (30/7), por policiais militares, na primeira etapa do bairro Alvorada. “Frednilson ressaltou que “Carlinhos” comandava uma organização criminosa em todas as etapas do bairro Alvorada e que trabalhava diretamente para ele. As equipes da especializada estão investigando a participação de “Lágrima” em outros homicídios”, pontuou Jeff Mac Donald.

Foragido – Ainda de acordo com o titular da DEHS, “Lágrima” cumpria pena por tráfico de drogas, em regime semiaberto, no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), e estava foragido da unidade prisional desde dezembro de 2017.

Indiciamento: Frednilson foi indiciado por homicídio qualificado, pela morte de Emerson. Ele também será indiciado pelo homicídio de Raimundo Nonato. O terceiro homicídio, que o infrator afirmou ter cometido, segue em investigação. Ao término dos procedimentos cabíveis na DEHS, o infrator será levado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá ficar à disposição da Justiça.

FOTOS: Erlon Rodrigues/ Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas.


Compartilhe
  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    3
    Shares