Coronel Cláudio assumirá o Comando Geral da PM no de David Brandão

As mudanças promovidas nesta terça-feira, 04, pelo secretário Extraordinário do governo, coronel Walter Cruz, na cúpula da Polícia Civil e da Militar do Amazonas provocou verdadeira debandada na estrutura da segurança pública do estado.
O delegado geral de Polícia Civil, Mariolino Brino e o comandante geral da PM, coronel David Brandão, por exemplo, não concordaram com as decisões de Walter Cruz e entregaram ao governador Amazonino Mendes os seus respectivos cargos.
Mas, Mariolino Brito permanecerá no cargo, o governador Amazonino Mendes não aceitou o pedido de exoneração. O delegado geral adjunto, Antônio Chicre, será mesmo substituído por Ivo Martins, conforme anunciou o secretário extraordinário do governo, coronel Walter Cruz.
Walter Cruz, entretanto, não deu a mínima para a revoada das funções de comando da cúpula da segurança e, num piscar de olho, fez as necessárias substituições.

O coronel Ayrton Norte será o subcomandante da PM e o coronel Carlos Lopes o Chefe do Estado Maior

O coronel PM José Cláudio Nonato da Silva, que assumiria como subcomandante da PM, no lugar de Raimundo Álvaro Leite Cavalcante, foi indicado por Walter Cruz ao governador para assumir o Comando Geral da PM no lugar do coronel David Brandão.
O novo subcomandante da PM será o coronel Ayrton Norte, que antes seria o Chefe do Estado Maior.
Outra mudança é a nomeação do coronel PM, Carlos Lopes, como Chefe do Estado Maior.