Compartilhe
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    2
    Shares

Dando continuidade ao processo de descentralização da gestão ambiental, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) inaugura, nesta segunda-feira (13/08), às 11h, o Centro Multifuncional do município de Humaitá (distante 590 quilômetros de Manaus). Essa é a segunda unidade entregue este ano pelo órgão no Amazonas. A primeira aconteceu no dia 29 de junho em Parintins (a 369 quilômetros da capital). Outras duas unidades estão sendo construídas em Apuí (a 453 quilômetros) e Boca do Acre (a 1.028 quilômetros).

De acordo com o secretário da Sema e presidente do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), Marcelo Dutra, o Centro Multifuncional vai centralizar os serviços de regularização de atividades produtivas e fundiárias, assistência técnica e agricultura indígena oferecidos pelos dois órgãos ambientais, Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam), Secretaria de Estado de Política Fundiária (SPF) e a Fundação Estadual do Índio (FEI).

No local, a Secretaria de Meio Ambiente de Humaitá começa a receber autorização do Ipaam para as primeiras atividades de emissão de Licença de Operação (LO) para projetos de empreendimentos produtivos de baixo carbono naquele município. “Humaitá é um dos municípios do ‘Arco do Desmatamento’ no Sul do Amazonas. É uma cidade estratégica para o combate aos crimes ambientais, principalmente o desmatamento e as queimadas”, disse Marcelo Dutra.

O Centro Multifuncional faz parte da parceria do Governo do Estado com a Cooperação Financeira Brasil/Alemanha do Banco Alemão de Desenvolvimento KfW e da Gopa (Cooperação Técnica Internacional), dentro do Projeto Prevenção e Combate ao Desmatamento e Conservação da Floresta Tropical no Estado do Amazonas (Profloram), com um investimento de R$ 1,077 milhão. Em Humaitá, a unidade vai funcionar como polo de atendimento para outros municípios daquela região do Amazonas.

O moderno prédio tem 420 metros quadrados de área construída, conta com salas climatizadas, computadores, mesas, cadeiras e móveis de escritório. Além do complexo, serão entregues uma motocicleta, uma picape modelo L-200 Mitsubishi, equipamentos de GPS, máquina fotográfica e scanner para que os servidores possam oferecer os serviços ambientais com qualidade aos produtores rurais de Humaitá.


Compartilhe
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    2
    Shares