Compartilhe
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    2
    Shares

A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) vai realizar adequações físicas, nos hospitais e prontos-socorros 28 de Agosto, na zona centro-sul, e Dr João Lúcio Pereira Machado, na zona leste, para que possam receber dois novos tomógrafos, aparelhos utilizados para exames radiológicos, com a finalidade de detectar lesões em órgãos internos. Os novos aparelhos já estão disponíveis e as salas de exames passarão por adequação, antes da instalação do equipamento.

A preparação das salas prevê ajustes no sistema de isolamento (baritagem), retirada do equipamento anterior e adaptações elétricas para receber o novo aparelho. Na próxima semana, engenheiros da empresa fabricante dos tomógrafos estão sendo aguardados, para avaliar os ambientes e executar o processo de adequação das salas, o que ocorrerá no decorrer de maio. Em junho, os aparelhos serão instalados, conforme explica o secretário executivo da Susam, Orestes de Melo Filho. “A instalação de um tomógrafo não é um processo simples, porque mexe com radiação. Tem regras para evitar a contaminação das pessoas e do meio ambiente”, explicou.

Antes da instalação dos equipamentos, os técnicos precisarão fazer testes de radiação nas salas, para avaliar se estão de acordo com as regras. A radiação é nociva à saúde, por isso, os raios devem ser dissipados na própria sala e seguir níveis compatíveis com as regras estabelecidas pela Comissão Nacional de Energia Nuclear. O processo de isolamento da sala e de implantação do equipamento só pode ser feito por técnicos especializados.

Com os novos tomógrafos, disse ele, a Susam espera garantir a oferta efetiva de exames de tomografia nas duas unidades, onde os aparelhos recebidos por esta administração estavam apresentando problemas com regularidade, porque vinham de um longo processo de uso, sem manutenção.

O tomógrafo do Pronto-Socorro João Lúcio tem a mesma idade de fundação do hospital, assim como o do 28 de Agosto. O secretário executivo Orestes de Melo Filho informa que os tomógrafos que deram problema também estão sendo recuperados, para reforçar a rede de diagnóstico no Estado.

Enquanto os novos aparelhos ainda não estão instalados, os pacientes do 28 de Agosto e do João Lúcio que necessitam desse atendimento, estão sendo removidos em ambulâncias próprias das unidades, para realização da tomografia em outras unidades da rede estadual, dentre as quais, os hospitais Platão Araújo, Francisca Mendes e, principalmente, Adriano Jorge, onde a demanda para esse tipo de exame é bem pequena.

Orestes ressalta que ninguém está ficando sem fazer tomografia. Todos os casos estão sendo atendidos. A estratégia adotada, enquanto o problema é resolvido, segundo ele, visa evitar qualquer prejuízo aos pacientes.

Engenharia Clínica – A Susam também informa que está concluindo a implantação dos serviços de Engenharia Clínica, para controle da manutenção preventiva e corretiva dos equipamentos de um modo geral, de todas as unidades da rede estadual de saúde. Com isso, espera melhorar a utilização e o desempenho dos equipamentos instalados nos hospitais e prontos-socorros da rede estadual de saúde, encontrados sem a devida manutenção.

Por meio do projeto, que tem parceria da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), através do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Tecnologia Eletrônica e Informação (Ceteli), já foi concluído o diagnóstico do parque de equipamentos da rede. Com base nesse levantamento, estão sendo elaborados projetos básicos de manutenção dos aparelhos e de aquisição do que for necessário, para substituição.


Compartilhe
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    2
    Shares