Compartilhe
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share

O governo venezuelano denunciará nas Nações Unidas o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, por supostamente promover uma intervenção militar no país caribenho, que vive uma grave crise econômica.

“A Venezuela denunciará na ONU e em outras instâncias internacionais Almagro, que de forma vulgar e grotesca ostenta a Secretaria-Geral da OEA, por promover a intervenção militar em nossa Pátria e atentar contra a paz da América Latina e Caribe!”, indicou em sua conta no Twitter a vice-presidente do venezuelana, Delcy Rodríguez.

Segundo Delcy, Almagro “pretende reviver os piores expedientes de intervenção militar imperialistas” no continente.

A postura de Caracas surge um dia depois de o secretário-geral da OEA afirmar que não se pode descartar uma intervenção militar contra o governo de Nicolás Maduro para dar fim ao sofrimento do povo venezuelano.

“Quanto à intervenção militar para derrubar o regime de Nicolás Maduro, acredito que não devemos descartar nenhuma opção”, disse Almagro em entrevista coletiva no lado colombiano da ponte binacional Simón Bolívar, a poucos metros da fronteira com a Venezuela. (EFE)


Compartilhe
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share