Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (29/01) no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na zona sul de Manaus, o secretário de Segurança Pública do Amazonas, coronel Louismar Bonates, anunciou a criação de uma força-tarefa na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), da Polícia Civil, para aprofundar as investigações sobre os mandantes e executores dos assassinatos registrados neste mês de janeiro.

“Nós estamos agora criando uma força-tarefa na Delegacia de Homicídios para que os policiais de lá, sob o comando do delegado Paulo Martins, possam dar mais celeridade às investigações para a elucidação dos homicídios que estão acontecendo, assim como a prisão dos homicidas”, explicou o coronel Bonates.

O número de mortes relacionadas a disputas entre grupos rivais de traficantes é superior ao registrado em janeiro do ano passado. A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) vem intensificando operações em bairros com maior registro de ocorrências criminais.

A Polícia Civil está investigando os crimes e, na semana passada, efetuou cinco prisões de criminosos responsáveis por alguns dos homicídios.

 


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •