Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Nos últimos quatro dias, o número de ocorrências criminais em Manaus caiu 26% em média, segundo balanço divulgado pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), neste domingo, dos resultados da Operação Manaus Segura, que tem o objetivo de reduzir a criminalidade na capital. No período, de 16 até a meia noite de 19 de julho, também foram registradas 175 prisões e apreensões de 21 menores.

De acordo com dados da SSP-AM, a redução ocorreu principalmente nos casos de roubo, furto e tráfico de drogas. Somente no caso de roubos, a diminuição nos últimos quatro dias foi de 19%. As ocorrências de furto caíram 32%, lesão corporal e violência doméstica, 30%, e estupro, 54%.

Para o secretário de Segurança Pública do Amazonas, coronel Paulo Roberto Vital de Menezes, a presença das polícias nas ruas inibiu a ação de criminosos. “A polícia ocupou vários pontos da cidade com a operação Manaus Segura, tivemos vários flagrantes de tráfico de drogas e apreensão de armas”, disse.

Vital destaca que foram registrados 11 flagrantes de apreensão de armas de fogo e 17 por tráfico de drogas, resultando no aumento na produtividade em 12%. “Como foi anunciado no início da operação, estaremos com operação em pelo menos 60 pontos da cidade, reforçando o policiamento ostensivo e também prevenindo a ação de criminosos. É bom lembrar que população pode ajudar denunciando para o 181 ou para o 190”, afirmou o secretário.

Ainda de acordo com a SSP-AM, nos últimos quatro dias, do dia 16 até a meia noite de 19 de julho, foram registrados nove homicídios, sendo seis casos no dia 16 para o dia 17, segundo o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops). Em relação ao mesmo período do ano passado, o Ciops registrou a mesma quantidade de assassinatos, nove casos. Na madrugada de domingo foram registrados dois casos. O balanço geral será divulgado somente nesta segunda-feira.

Desde a última quinta-feira, a SSP-AM realiza a ‘Operação Manaus Segura’, com a participação das Polícias Civil e Militar, Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e Manaustrans. Além do combate ao crime, a segurança do trânsito é um dos alvos da ação.

Paulo Roberto Vital informa que a operação visa aumentar a sensação de segurança da população em pontos fixos, complementando o Programa Ronda no Bairro, que atua de forma setorial na capital. “Estamos atendendo as necessidades que percebemos em algumas áreas da cidade, já que a questão de segurança pública precisa ser permanente para atender a população”, afirmou.

Detran autua 85 motoristas

A operação Lei Seca, coordenada pelo Detran-AM dentro da operação Manaus Segura, registrou quatro flagrantes de pessoas dirigindo após consumo de álcool nas avenidas Noel Nutles e Max Teixeira, zona norte de Manaus.

Em um das ocorrências, os envolvidos colidiram no cruzamento da avenida Noel Nutles e, após serem submetidos ao teste do bafômetro, foi confirmado o consumo de álcool. Eles foram encaminhados para o 6ºDistrito Integrado de Polícia (6º DIP).

No total, de acordo com o diretor-técnico do Detran-AM, major Nero Santos, foram 85 autuações por diversos tipos de irregularidades, dentre elas: licenciamento em atraso e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencidas.

Nos últimos quatro dias, o número de ocorrências criminais em Manaus caiu 26% em média, segundo balanço divulgado pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), neste domingo, dos resultados da Operação Manaus Segura, que tem o objetivo de reduzir a criminalidade na capital. No período, de 16 até a meia noite de 19 de julho, também foram registradas 175 prisões e apreensões de 21 menores.

De acordo com dados da SSP-AM, a redução ocorreu principalmente nos casos de roubo, furto e tráfico de drogas. Somente no caso de roubos, a diminuição nos últimos quatro dias foi de 19%. As ocorrências de furto caíram 32%, lesão corporal e violência doméstica, 30%, e estupro, 54%.

Para o secretário de Segurança Pública do Amazonas, coronel Paulo Roberto Vital de Menezes, a presença das polícias nas ruas inibiu a ação de criminosos. “A polícia ocupou vários pontos da cidade com a operação Manaus Segura, tivemos vários flagrantes de tráfico de drogas e apreensão de armas”, disse.

Vital destaca que foram registrados 11 flagrantes de apreensão de armas de fogo e 17 por tráfico de drogas, resultando no aumento na produtividade em 12%. “Como foi anunciado no início da operação, estaremos com operação em pelo menos 60 pontos da cidade, reforçando o policiamento ostensivo e também prevenindo a ação de criminosos. É bom lembrar que população pode ajudar denunciando para o 181 ou para o 190”, afirmou o secretário.

Ainda de acordo com a SSP-AM, nos últimos quatro dias, do dia 16 até a meia noite de 19 de julho, foram registrados nove homicídios, sendo seis casos no dia 16 para o dia 17, segundo o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops). Em relação ao mesmo período do ano passado, o Ciops registrou a mesma quantidade de assassinatos, nove casos. Na madrugada de domingo foram registrados dois casos. O balanço geral será divulgado somente nesta segunda-feira.

Desde a última quinta-feira, a SSP-AM realiza a ‘Operação Manaus Segura’, com a participação das Polícias Civil e Militar, Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e Manaustrans. Além do combate ao crime, a segurança do trânsito é um dos alvos da ação.

Paulo Roberto Vital informa que a operação visa aumentar a sensação de segurança da população em pontos fixos, complementando o Programa Ronda no Bairro, que atua de forma setorial na capital. “Estamos atendendo as necessidades que percebemos em algumas áreas da cidade, já que a questão de segurança pública precisa ser permanente para atender a população”, afirmou.

Detran autua 85 motoristas

A operação Lei Seca, coordenada pelo Detran-AM dentro da operação Manaus Segura, registrou quatro flagrantes de pessoas dirigindo após consumo de álcool nas avenidas Noel Nutles e Max Teixeira, zona norte de Manaus.

Em um das ocorrências, os envolvidos colidiram no cruzamento da avenida Noel Nutles e, após serem submetidos ao teste do bafômetro, foi confirmado o consumo de álcool. Eles foram encaminhados para o 6ºDistrito Integrado de Polícia (6º DIP).

No total, de acordo com o diretor-técnico do Detran-AM, major Nero Santos, foram 85 autuações por diversos tipos de irregularidades, dentre elas: licenciamento em atraso e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencidas.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •