Foto: Pedro Coelho
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente da Câmara Municipal de Parintins, em Exercício, Tião Teixeira (DEM), se pronunciou sobre o movimento Setembro Amarelo, campanha criada com o intuito de informar as pessoas sobre o suicídio, uma prática normalmente motivada pela depressão. O parlamentar falou sobre a temática durante a sessão ordinária realizada na última terça-feira, 1º de setembro.

O vereador informou que, mesmo com tantos casos notórios crescentes a cada ano, ainda existe uma expressiva barreira para falar sobre o problema. De acordo com Tião Teixeira, estima-se que no mundo acontece um suicídio a cada 40 segundos e é, atualmente, a segunda principal causa de morte de jovens da faixa etária de 15 a 29 anos. “Todos os dias, pelo menos 32 brasileiros tiram suas próprias vidas”, frisou.

Conforme o vereador, esses números podem ser evitados ou reduzidos consideravelmente com uma política eficaz de prevenção do suicídio. Tião Teixeira enfatizou a relevância da conscientização para alertar a população a respeito da prática. O parlamentar disse que Parintins atua com o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Adolfo Lourido no combate ao problema há 15 anos.

Tião Teixeira disse que essa política pública atende pessoas com depressão. “Temos acompanhados casos de amigos que cometeram suicídio, pela falta de diálogo, do cuidado das pessoas que convivem no dia a dia. É tempo de nos encorajarmos e termos sensibilidade em olharmos com o comportamento do próximo. Isso tem sido muito dolorido para as famílias”, ponderou.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •