Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Usando uma máscara de silicone, roupas femininas e peruca de fios longos, um preso tentou fugir do Complexo Penitenciário de Bangu, na tarde deste sábado (3), dia de visita ao local. No entanto, agentes penitenciários notaram o disfarce e o detiveram antes que ele pudesse chegar até a saída.

O preso foi identificado como o traficante Clauvino da Silva, o Ronca, integrante do tráfico de Angra dos Reis, e preso desde de 2013. Ele estava em uma cela coletiva, com outros chefes do tráfico.

A filha de Clauvino, Ana Gabriele Leandro da Silva, 19 anos, é suspeita de ter ajudado o pai na tentativa de fuga, e se encontra detida. Uma grávida também é suspeita de ter escondido os objetos entregues para Claudino se disfarçar. O caso está sendo registrado na 35ª DP (Campo Grande).

Traficante já havia tentado fugir

Clauvino tem 42 anos e é condenado a 73 anos e 10 meses de prisão. O traficante foi um dos 31 presos que fugiram pelo esgoto do Instituto Penal Vicente Piragibe, no Complexo de Gericinó, em fevereiro de 2013. Ele foi preso logo após a fuga, em Angra dos Reis.

Nota da Seap

Em nota, a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap) informou que a corregedoria irá instaurar uma sindicância para apurar os fatos, após o traficante tentar sair pela porta da frente se vestindo de mulher “O preso iria deixar sua filha dentro da cadeia e teria pego sua roupa para tentar a fuga. Os inspetores penitenciários perceberam a atitude suspeita e interromperam o plano de fuga. O traficante foi encaminhado para a Penitenciária Laércio da Costa Pelegrino e sofrerá sanções disciplinares. A filha e mais sete visitantes foram levados para delegacia com a suspeita de facilitação na tentativa de fuga e para registro de ocorrência”, diz a nota. (Com o Dia)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •