Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Achados por volta das 3h desta quinta-feira (17), os três corpos, sendo um do sexo feminino e dois masculinos, foram encontrados na Comunidade Itaporanga, no Conjunto João Paulo, Zona Norte.

Os corpos das vítimas estavam em área de mata e estavam decapitados. Foram identificados como  Lucinéia Ferreira Lima, 51, seu filho Yuri Lima, 19 e Matheus. A cabeça de Lucinéia estava separada do corpo próximo às demais vítimas e o tronco encontrado com os pulsos amarrados. Yuri estava com um corte grande no pescoço, uma das mãos cortadas e com uma corda amarrada em outra mão. Mateus foi encontrado com as mãos amarradas e decapitado.

A mulher, conhecida como “Baiana”, era líder comunitária e por isso, bastante conhecida entre os moradores. E o crime pode ter envolvimento por disputa de terras.

Nas portas das casas que ficam próximas ao local onde os corpos estavam apresentavam sinais de arrombamento. A Sigla do Comando Vermelho (CV) foi escrita com o sangue das vítimas.

Vídeo mostra líder comunitária e filho sendo torturados antes de serem mortos e decapitados


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •