Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Ainda sem vencer o arquirrival Corinthians na temporada, o Palmeiras tem mais uma chance de fazê-lo a partir das 19h15 (de Brasília) desta quinta-feira, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Na Neo Química Arena, o atacante Gabriel Veron, trunfo do técnico Vanderlei Luxemburgo, pode disputar seu primeiro Derby como profissional.

O treinador pretendia usar Veron no clássico válido pela 11ª rodada do Campeonato Paulista, mas o atacante sofreu uma grave lesão no músculo posterior da coxa direita. Sem o jovem, o Palmeiras perdeu seu primeiro jogo após a paralisação do futebol pela pandemia de covid-19.

Depois de um longo processo de recuperação, Gabriel Veron voltou a entrar em campo apenas na manhã do último domingo, no Estádio Nabi Abi Chedid. Colocado por Luxa no lugar de Wesley durante o segundo tempo, o atacante marcou o gol de empate e ainda cruzou para Willian virar o jogo contra o Red Bull Bragantino.

Desde a saída de Dudu, emprestado ao Al Duhail, o Palmeiras vem sofrendo para construir oportunidades de gol. Veloz e habilidoso pelas pontas, Veron pode ser uma boa alternativa, como mostrou ao dar assistência para o gol marcado por Willian na última rodada.

Atrapalhado pela grave lesão muscular, Veron disputou 13 dos 27 jogos do Palmeiras na temporada, apenas três como titular. O atacante não inicia uma partida desde o dia 16 de fevereiro, quando jogou o tempo inteiro no triunfo sobre o Mirassol, pela sexta rodada do Campeonato Paulista.

Ainda sem o ritmo de jogo ideal, o jovem de 18 anos deve começar o Derby desta quinta-feira entre os reservas. A tendência é que o Palmeiras jogue com Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gomez e Matias Viña; Patrick de Paula, Gabriel Menino, Zé Rafael e Lucas Lima; Wesley (Gabriel Veron) e Luiz Adriano. (Gazeta Esportiva)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •