Foto: Robervaldo Rocha
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Para celebrar o “Dia do Caminhoneiro”, comemorado na terça-feira (30), o vereador Claudio Proença (PMN) cobrou políticas públicas aos “profissionais das estradas”, ao destacar que a categoria precisa ser valorizada pela dedicação do transporte seguro de cargas entregues de Norte a Sul do Brasil, além de ajudar no desenvolvimento econômico e financeiro da nação. O parlamentar observou ainda, sobre os perigos enfrentados pelos trabalhadores ao longo das estradas.

“Todo homem ou mulher que sai de casa para abastecer as cidades e estados dentro de um caminhão, deve por direito ser reconhecido e alcançado pelas políticas públicas do nosso estado, em especial aos profissionais da nossa querida Manaus ”, ressaltou o vereador

Na avaliação de Proença, o trabalho do caminhoneiro, tido como aventureiro e romântico, continua sendo também precário nos dias de hoje e, muitos desses profissionais por passar a noite em um volante, acabam se envolvendo com drogas, anfetaminas, conhecidas como “rebite”, ou cocaína.

Proença destacou que historicamente o sistema viário brasileiro sempre foi dependente das estradas, ao contrário de outros países, como os Estados Unidos ou a Franca, que têm nas ferrovias o seu principal meio de transporte, de gente e de mercadoria.

“O papel do caminhoneiro na economia brasileira continua crucial, a ponto de a sua falta ter o peso de parar o país, como em 2018. Os caminhoneiros movimentam 60% de toda a carga brasileira, por meio de 1,7 milhão de quilômetros de estradas, quase sempre mal conservadas”, concluiu o vereador.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •