Prefeito Zeca Cruz, de Boca do Acre (Reprodução do Facebook)
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O vereador Auditivo da Silva (PCdoB) conclamou na segunda-feira, 12, da tribuna da Câmara dos Vereadores de Boca do Acre, a cassação do prefeito município, Zeca Cruz (PSDB).

Segundo o vereador (ouça áudio publicado no Portal de Boca do Acre AM), Zeca Cruz perdeu a governabilidade e que melhor saída para restaurar a dignidade pública seria perda do mandato.

De acordo com as acusações publicamente denunciadas pelo vereador, o prefeito Zeca Cruz, além de mau administrador, rouba o erário público para garantir suas relações  com agiotas e cafetões.

“O prefeito Zeca é ladrão, Prefeito Ladrão está saqueando dinheiro povo Boca do Acre para pagar agiotas. Esse prefeito é bandido. Em Boca do Acre se comporta como um Don Juan. Está dodói, esgotamento físico provocado pelas chuchucas”, destaca.
 
Zeca Cruz foi acusado, também, de receber propina do empresário Rubens Onofre, contratado para coleta do lixo urbano de Boca do Acre.

A denúncia, segundo o vereador, partiu do próprio empresário que o procurou para denunciar o prefeito enquanto caminhava na segunda-feira no “Translago”.

“Estou pronto para depor tanto no Ministério Público quanto na Polícia Federal.  Esse prefeito é um larápio, um ladrão que há três meses não paga o pessoal responsável pela coleta de lixo na cidade”, afirma.

A reportagem do Fato Amazônico tentou manter contato com o prefeito Zeca Cruz para ele falar a respeito das denúncias do vereador Auditivo da Silva, mas o celular 97 9811x-214x, estava fora da área de serviço. Tentamos falar com a assessoria atrás do telefone 97 9811x-208x, mas  também estava fora da área de serviço.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •