Foto: Aguilar Abecassis – Dircom/CMM
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Vida e dos Valores Cristãos (Fepacri/CMM), vereador Wallace Oliveira (Pros) demonstrou preocupação em relação ao movimento denominado “ativismo transformador” que divulga conceitos perigosos às famílias e seu relacionamento, durante pronunciamento na sessão plenária da Câmara Municipal de Manaus (CMM), ocorrida na manhã desta terça-feira (4).

“Hoje eu trago a preocupação em relação a formatação do processo que se denomina “ativismo transformador”, que em nada agrega para a sociedade brasileira, muito pelo contrário, as pessoas que encabeçam esse conceito estão propagando princípios errôneos, principalmente de relacionamento familiar”, afirmou.

O parlamentar comentou que alguns youtubers estão apresentando informações e materiais nocivos às crianças, adolescentes e jovens, e por conseguinte, às famílias. “É muito preocupante vermos alguns youtubers mostrando em suas páginas um material extremamente perigoso, e que está entrando em nossas casas para contaminá-los. Ao visitar esses perfis, para coleta de informações, testemunhamos incentivos à pedofilia, à violência contra a mulher e crianças”.

Wallace Oliveira enfatizou que como presidente da Fepacri e como pai, não ficará calado diante da situação que está atacando diretamente a todas as famílias.

“Como pai, cidadão, vereador eleito e presidente da Fepacri desta Casa, não posso ficar calado e sempre levantarei a voz para denunciar tais comportamentos e aberrações que querem ser introduzidos no seio da nossa sociedade saudável. A família é o eixo central da sociedade, consolidada em princípios éticos, morais e cristãos, tão importante que biblicamente foi classificada como instituição pelo próprio Senhor Deus”, disse.

O vereador citou o vídeo de um youtuber atacando diretamente uma atividade da igreja católica, com palavras de baixo calão, desrespeitando a liberdade de culto religioso estabelecida na Constituição Federal.

“Recentemente, um vídeo foi postado por um youtuber brasileiro onde ele ataca os católicos, de forma grotesca, tratando-os com palavras de baixo calão e pejorativamente devido uma movimentação legítima da igreja católica, o que desrespeita completamente os preceitos determinados pela nossa Constituição Federal”, criticou.

“Em outro vídeo, este mesmo youtuber estava travestido de criança, usando linguajar infantil, ensinava conceitos errados e desconformes com os princípios morais e éticos estabelecidos. No vídeo, este cidadão ensina o passo a passo de como um adolescente pode enganar seus pais, para que eles não percebam o uso de bebida alcóolica e entorpecentes, sendo isso uma aberração”, ressaltou.

Ao término do pronunciamento, o parlamentar declarou a importância do movimento da sociedade e de seus representantes se levantando contra esse tipo de posicionamento subversivo.

“É muito importante que a sociedade brasileira se levante contra esses ensinos abomináveis, que esta Câmara Municipal mediante suas comissões de defesa da criança e adolescente, desta frente parlamentar cristã, assim como todos os representantes que defendem a família de forma saudável, se manifeste contra tudo isso, pois esses “transformadores” estão introduzindo nas famílias ensinos completamente distorcidos. Termino dizendo claramente: deixem nossas famílias em paz, não vamos deixar que essas anormalidades sejam estabelecidas na sociedade e nas famílias”, encerrou.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •